Micos que paguei no UK

Acho que qualquer pessoa quando sai da sua zona de conforto acaba pagando uns micos. Afinal, basta mudar um pouco de estado e você se depara com uma nova cultura, sotaques, costumes e trejeitos diferentes. Para mim, são essas particularidades que fazem a essência humana ser bonita: um igual a todo mundo, mas diferente.

Pensando nisso, vou citar alguns dos micos que eu paguei esses meses aqui na Inglaterra:

– Me machuquei e ainda me machuco com a água quente fervendo da torneira quente;

– Fiquei chocada com o caos no Heathrow quando cheguei: -5 graus, nevando, tudo parado (fiquei dois dias em um hotel porque não tinha como sair), pessoas dormindo no aeroporto cobertas com papel alumínio para se aquecer e por aí vai…

– Na mesma época do caos no Heathrow, caí de bunda no chão na neve logo depois do meu namorado dizer “Be carefull – seja cuidadosa”. Soltei, instintivamente o velho palavrão brasileiro PQPPPPPPP (rs)

– Fiz roxa de vergonha porque fiz uma piada sobre a voz de uma oriental que estava passando num programa de TV que soava como NHENHENHENHÉM quando na mesma sala estava assistindo o mesmo programa outra garota oriental (Gente, essa foi feia, eu fiquei morta de vergonha, o Brasil não é cosmopolita como aqui e a diversidade racial brasileira nos faz mais tolerantes, aqui qualquer coisinha eles acham que é uma ofensa racial!)

– Fiquei chocada porque o queijo cheddar é branco e eu achava que era laranja por causa do Mc Cheddar (rs) e indignada porque a fanta sabor laranja é amarela (e tem gosto de aspirina, ecow!).

– Como sou do nordeste, nunca tinha necessitado um aquecedor na vida e fiquei com medo de colocar roupas por cima dele para secar e acabar causando um incêndio (rs)

Essas são algumas das situações que tenho vivido aqui, com muito prazer por sinal. Amo viajar e experimentar essas diferenças. Por exemplo, quando estava em Belo Horizonte andei milhas e milhas sendo guiada pelos mineiros quando pedia orientação e eles respondiam “ah, a Praça da Liberdade? É ali pertim!” – Nada de pertinho, me “lasquei” andando léguas, mas me diverti bastante!

E vocês, já passaram por algo parecido?

Beijos,

Larissa